• banner balao
  • Gastroplastia Endoscópica

    • Sutura endoscópica
    • Sleeve endoscópico
    • Reganho de peso pós cirurgia bariátrica

 

OVERSTICH© -ENDO SUTURA GÁSTRICA (ESG) - GASTROPLASTIA ENDOSCÓPICA

 

O Overstich© é um equipamento endoscópico que chegou no Brasil em 2017. Em 2016, 17  Médicos do Brasil, foram para os Estados Unidos, aprender as técnicas que este equipamento proporciona, através das suturas endoscópicas, algo que até pouco tempo parecia impossível de realizar, dada a complexidade deste procedimento. Desta forma, se  abriu um novo capítulo na história das cirurgias do estômago, em especial da cirurgia para o tratamento da obesidade , trazendo mais uma excelente opção para o seu tratamento e que agora passa a ter no nosso País e Região. Dr. Marcius fez parte dos 17 Médicos que foram para os Estados Unidos, tem o prazer e satisfação de proporcionar para os seus Pacientes este novo tratamento sendo o primeiro Médico a realizar o Procedimento na região Centro Oeste.

gastroplastia endoscopica 01

 

img tratamento gastroplastia

INDICAÇÕES

1) Gastroplastia Endoscópica Sleeve: 
Procedimento indicado para quem tem IMC acima de 30 -Obesidade grau I. O estômago passa a ter a sua capacidade de armazenamento diminuída, como acontece na Cirurgia de Sleeve. Adquire a forma de um tubo, comportando uma quantidade de comida menor do que o habitual.
O procedimento é realizado integralmente por endoscopia, sem cortes, com recuperação rápida.

2) Revisão de Cirurgias Bariátricas, para quem Reganhou o Peso
Procedimento indicado para quem já realizou cirurgia bariátrica e voltou a ganhar peso. Com o aparelho, podemos diminuir ainda mais o tamanho do estômago remanescente e/ ou da anastomose (ligação do estômago com o intestino). Se aplica a todas as modalidades de cirurgia, como o Bypass, Y de Roux, Capella, Sleeve, Scopinaro, etc…

Redução do estômago por endoscopia- gastroplastia endoscópica

Sendo assim , para os profissionais Médicos especialistas em Endoscopia e que realizam Treinamento em Endoscopia Bariátrica, se tornou possível realizar a cirurgia utilizando o orifício natural ,neste caso a cavidade oral (boca) , indo de encontro com a tendência das cirurgias modernas que é de cada vez mais ser menos invasivas e mais resolutivas.

A GASTROPLASTIA ENDOSCÓPICA com uso de OverStitch® tem sido relatada com sucesso na literatura, com o objetivo de tubulização do estômago e consequentemente, diminuindo o seu tamanho. O procedimento tem sido realizado com sucesso, com baixo índice de complicações , se mostrando seguro .

Lopez-Nava e Galvão Neto et al., em um ano de acompanhamento em um estudo incluindo 25 pacientes mostrou uma perda de peso total de 18,7%. Foi possível realizar uma avaliação endoscópica um ano após o procedimento mostrando que o aspecto tubular permaneceu após este período.

Em uma avaliação realizada em serviços Médicos diferentes, 242 pacientes foram submetidos a GASTROPLASTIA ENDOSCÓPICA sendo mostrando  uma perda do excesso de peso de 19,8% depois de 18 meses, sem mortalidade e com 2% de complicações.

Como todos os tratamentos para obesidade é necessário o acompanhamento de uma equipe multidisciplinar, com Nutricionista, Psicologa (o)  e Educador Físico  com  aderência plena do paciente ao tratamento, levando-se em consideração que a Obesidade é uma doença crônica e requer cuidado por toda a vida e mesmo nas cirurgias bariátricas por corte a recidiva gira em torno de 30 %.

A GASTROPLASTIA ENDOSCÓPICA é uma alternativa menos invasiva , pois requer a realização de endoscopia para o procedimento sem necessidade de cortes, com isso diminuindo muito a chance das complicações das cirurgias por por videolaparoscopia  e com recuperação mais rápida e retorno as atividades de trabalho.

img tratamento gastroplastia 02

Imagem cedida pelo Dr.Eduardo Grecco,Paciente após 45 dias de Gastroplastia endoscopica

gastroplastia endoscopica 02

VANTAGENS PRINCIPAIS DESSE MÉTODO:

  • Sem cortes e menos invasivo
  • Procedimento rápido (60 90 minutos em média)
  • Alta hospitalar Precoce
  • Índice de perda em torno de 20 - 30% do peso corporal
  • Baixo índice de complicações
  • Retorno rápido as atividades
  • Melhora de condições associadas a obesidade como Glicose alta, Colesterol alto, esteatose hepática entre outras.

DESVANTAGENS PRINCIPAIS DESSE MÉTODO:

  • Não é coberto por convênios
  • Resultados inferiores a cirurgia bariátrica
  • INDICAÇÕES:
  • Pacientes com IMC de 30 a 40 com falência do tratamento clínico conservador
  • Pacientes com IMC acima de 40 que não possuem condições de cirurgia bariátrica ou que não à desejam.
  • Pacientes que já tentaram e falharam no tratamento clinico com medicamentos
  • Pacientes que já falharam em perder peso apenas com dieta e exercícios físicos
  • Pacientes que falharam no tratamento com balões gástricos
  • Pacientes que querem um tratamento mais efetivo na sustentação do peso perdido a longo prazo do que balão gástrico

TENHO INDICAÇÃO DE REALIZAR O PROCEDIMENTO DE GASTROPLASTIA ENDOSCÓPICA?

A indicação são para as pessoas que tem IMC (ver logo abaixo a calculadora de imc ou clicar e enviar lá) acima de 30 e que tentaram outras formas de emagrecimento e não conseguiram ou reganharam peso. Ainda, para aquelas pessoas que não querem fazer cirurgia bariátrica ,com receio de ter muitas restrições após a cirurgia e não querem se submeter as limitações que ocorrem após o procedimento cirúrgico. A média de perda de peso é em torno de 20 a 30 %.

Quais são os resultados esperados:

1. Perda de 20 A 30% do peso total , sustentado por 2 a 3 anos .Posteriormente é necessário que se mantenha os hábitos alimentares e a mudança de comportamento adquiridos neste período

2. Melhora dos índices de doenças ligadas a obesidade, como glicemia, esteatose hepática, apnéia do sono e hipertensão

COMO É O PROCEDIMENTO?

Após a realização da consulta e minuciosa seleção do paciente , serão realizados exames pré-operatórios, avaliações adequadas e exame endoscópico prévio,assinatura dos termos de consentimento e responsabilidade e posterior agendamento do procedimento.       

Será iniciado o uso de medicamentos , para diminuir efeitos colaterais 3 dias antes. A duração aproximada do procedimento é de 90 minutos e é realizado totalmente por endoscopia, sem incisão externa.

Após o procedimento, os efeitos colaterais quando ocorrem, são em pequena intensidade e de curta duração. Os mais comuns são dor abdominal, náuseas, vômitos ,excesso de gases, dor na garganta e na língua pela introdução do aparelho. Por isso é necessário o uso de medicações preventivas para um bom pós-operatório.          

Retorno as atividades após 48 horas do procedimento. O paciente, no entanto, deverá seguir uma dieta específica durante um período de tempo e que será orientada por nossa equipe, além de tomar os medicamentos prescritos.

PÓS PROCEDIMENTO

Assim como todo tratamento de obesidade, o paciente deve ter um acompanhamento multidisciplinar obrigatório, com nutricionista da nossa equipe, visitas regulares por pelo menos 6 meses com o médico que realizou o procedimento, prováveis exames endoscópicos durante esse tempo e assim que possível realizar também atividades físicas, além do que, se necessário, acompanhamento psicológico.

  1. DIETA LÍQUIDA-CREMOSA POR PELO MENOS 6 SEMANAS
  2. ACOMPANHAMENTO COM NUTRICIONISTA
  3. PROIBIDO LEVANTAMENTO DE PESO ATÉ 6 SEMANAS
  4. RETORNO AS ATIVIDADES SOCIAIS E LABORAIS COM 3 A 4 DIAS.

REVISÃO E CORREÇÃO DE CIRURGIAS BARIÁTRICAS REALIZADAS

Com o mesmo propósito da GASTROPLASTIA ENDOSCÓPICA, como terapia primária da obesidade, o OVERSTITCH© também pode ser usado para corrigir cirurgias bariátricas realizadas, atuando como terapia secundária – GASTROPLASTIA ENDOSCÓPICA SECUNDÁRIA. Nesse sentido, a câmara gástrica pode ser reduzida depois que já foi reduzida por uma cirurgia bariátrica. Portanto, pode ser praticada em qualquer cirurgia: Sleeve, Scopinaro, Duodenal-Switch, Santoro etc. Para aqueles que realizaram By-Pass/Capella é necessário uma avaliação minuciosa para saber se o pouch (pequeno estômago) permite ainda algum tipo de sutura.

É especialmente indicado para aqueles que estão reganhando peso e/ou não perderam o suficiente após algum tempo da cirurgia primária realizada.

REVISÃO DE SLEEVE - PARA CORREÇÃO DE CIRURGIA BARIÁTRICA (SLEEVE) PRÉVIA

É importante entender que nem sempre o reganho ou perda de peso tem relação com a cirurgia realizada. Portanto é necessário a correção de todos os outros fatores que possam estar contribuindo com esse reganho ou parada de perda, tais como fatores comportamentais alimentares, doenças metabólicas, uso de medicamentos, entre outros. Se eles não forem corrigidos, o resultado pode ser muito prejudicado.

 

Calcule o seu IMC

Peso: kgs

Altura: m

cm

Balão Gástrico Brasil © - 2018 - Todos os Direitos Reservados - Desenvolvido por: Mix7

Dr. Marcius Vinicius - Responsável Técnico - CRM-DF 13.625

icone faceicone instaicone yt